Arquitetura de Redes

Um conjunto de convenções para interconexão de equipamentos. Deve conter informações suficientes (número, nome, conjunto de funções e serviços, protocolo) de forma que seja possível o desenvolvimento do programa ou a construção do hardware de cada nível, de forma que se cumpra o protocolo adequado.

Como um exemplo, o cabeamento estruturado, onde todos os pontos de dados, voz e imagem convergem para um mesmo local, possibilitando escolher o tipo de dispositivo a ser ativado no ponto definido. Organizar a topologia de rede é dispôr os equipamentos como roteador, switch, servidores, storage, entre outros, da maneira mais eficiente de funcionamento.

Encontre

Facebook